Para participar de um evento você precisa se organizar, conhecer seu público-alvo, treinar sua equipe de vendas, investir tempo e dinheiro. O resultado de toda essa dedicação é a captação de clientes, porém, isso não acontece como um milagre e, nesse sentido, é necessário ter uma estratégia bem definida.

Promover eventos de relacionamento com seus clientes é uma oportunidade de apresentar a sua empresa para novas pessoas e também manter os atuais consumidores informados sobre seus serviços e/ou produtos. Esse também é o momento ideal para aumentar o networking e reforçar a imagem da sua marca.

Enfim, se você deseja gerar novos laços e manter os antigos, algumas dicas para fazer a captação de clientes em eventos podem facilitar o processo. Confira!

1. Planejar e traçar objetivos

Ninguém quer fazer ou participar de um evento que não tenha nada a ver com os gostos de seus clientes, não é mesmo? Sabemos que eles estão à procura de soluções para seus problemas, por isso, não é qualquer evento que vai atraí-los. Então, qual o tipo certo de evento para o seu negócio? É a partir do seu cliente ideal, ou seja, da persona da sua empresa que você vai descobrir.

Com um perfil em mãos fica mais fácil a abordagem e todo o planejamento de participação em um evento. Contudo, não improvise, pesquise e leve a sério essa fase de planejamento, para no final definir quais são as ofertas certas para cada perfil de prospect.

2. Atentar à abordagem

Em um evento como uma feira, por exemplo, é comum a abordagem de pessoas mesmo que nos corredores, o que exige um cuidado especial, pois é nesse momento que você vai precisar identificar se a pessoa realmente é o seu cliente ideal.

Evite bajulações e busque por uma conversa espontânea, fluida. Também é importante que você seja acessível aos visitantes. Não fique atrás do balcão ou conversando com seus colaboradores e peça que eles não fiquem de bate papo entre si.

Tenha em mente as perguntas certas e evite o clima de venda logo de início. Dessa maneira, busque saber informações importantes sobre a pessoa, como o nome, o cargo, os interesses e o que ela espera que a sua empresa faça por ela.

3. Oferecer materiais de divulgação

Os materiais tradicionais de divulgação ainda são muito valiosos, principalmente em alguns tipos de eventos como as feiras e congressos — invista em cartões de visitas, flyers, folders, brindes personalizados, incentivando o contato da pessoa com você.

Outra forma de divulgar é o sorteio de descontos em serviços ou de amostras grátis do seu produto, o que também é ótimo para a coleta de dados. Além disso, chame a atenção para o stand, com um lanchinho, produtos mais atrativos.

4. Coletar os dados dos visitantes

A coleta de dados é essencial para dar continuidade na comunicação, por isso ofereça maneiras rápidas e simples dos visitantes deixarem seus dados com você.  Depois, mantenha um canal de comunicação aberto, mas, não force a barra, envie apenas o necessário para se aproximar dele.

Durante o evento não adianta só abordar e ter uma boa conversa, é preciso conquistar o visitante e convencê-lo de que deixar os dados dele é uma boa chance para ele resolver as inquietações e encontrar uma solução para seus problemas.

5. Promover uma experiência única

Você também pode fazer seu próprio evento, pensando em manter os seus clientes atuais e convidar as pessoas que querem conhecer a sua marca. Para isso, invista em despertar emoções, transmita um sentimento de pertencimento, uma sensação de que a pessoa realmente precisa do que você tem a oferecer para ela.

A importância de promover eventos em espaços que ofereçam diferenciais e verdadeiras experiências é que a captação de clientes acontece de uma maneira mais horizontal, em que eles consigam perceber o quanto é importante fechar negócio com você.

Quer promover mais experiências únicas para seus clientes? Baixe o nosso guia completo sobre marketing de experiência!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *